Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Rua Baronesa Geraldo de Resende, 330, - Campinas, SP

(19) 3241-9713 | 3242-0899    (19) 99132-4922

contato@auxiliadoracampinas.org.br

Secretaria
Sem categoria › 30/03/2016

Conferência espiritual prepara jovens para Jornada Mundial da Juventude 2016

jmjCom proposta de motivar os peregrinos para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2016, o Comitê Organizador tem realizado conferências espirituais. Pela quinta vez, peregrinos do mundo inteiro encontram-se para rezar, virtualmente, no Santuário da Divina Misericórdia. A iniciativa “Por nós e pelo mundo inteiro” está na quinta edição.

A próxima conferência espiritual ocorrerá em 2 de abril, data do 11º aniversário da morte do papa João Paulo II e também a véspera do Domingo da Divina Misericórdia. Os convidados para conduzir a meditação são o bispo auxiliar de Cracóvia, dom Grzegorz Ry?, e padre Peter Hocken. Eles irão falar sobre a Divina Misericórdia, as preparações para a Jornada Mundial da Juventude e o papel da Eucaristia na vida dos discípulos de Cristo.

“Eu desejo que a Jornada Mundial da Juventude seja um tipo de revolução para os jovens, que possam ser capazes de ver a si mesmos no contexto de outros e ver que ser uma pessoa de fé não é algo constrangedor, é algo fantástico, e que temos algo para dar ao mundo”, disse o secretário da Equipe de Nova Evangelização da Conferência Episcopal Polonesa, padre Artur Godnarski.

A 5ª Conferência espiritual será transmitida, on-line, em polonês, inglês e espanhol, no website oficial: www.krakow2016.com

Brasil na JMJ

Em reunião, os bispos referenciais para a juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) confirmaram participação na JMJ 2016. O bispo de Caxias (MA) e o presidente da Comissão Episcopal para a Juventude, dom Wilsom Basso, disse que ao menos 23 bispos guiarão os jovens brasileiros que irão à Cracóvia, em julho.

Para dom Wilsom, acompanhar a juventude é missão indispensável na vida da Igreja. “Uma Igreja sem jovens é uma Igreja sem presente e sem futuro. Por onde andamos sentimos esta presença forte, pró-ativa, de nossa juventude. E nós, enquanto Comissão Episcopal, com todas as instâncias que temos em nosso país, temos trabalhado nesta direção, para colocar no coração de todas as pessoas que trabalham com a juventude este mesmo sentimento de acreditar nesta força que vendo a juventude que é decisiva e fundamental para toda nossa Igreja e também para a nossa sociedade”, disse o bispo.

Por CNBB com JMJ 2016